Renutra - Consultoria em Nutrição de Vida
Para receber nossas novidades:
 
1

MATÉRIA


VITAMINA D MELHORA SINTOMAS DE ASMA





Matéria inclusa por Juliana Morais
A adição de suplementos de vitamina D à medicação padrão para asma pode levar a menos ataques graves de asma em pacientes com asma leve a moderada, de acordo com estudo publicado no The Cochrane Database of Systematic Reviews.


Conduzido por Martineau e colaboradores, a metanálise avaliou 9 estudos duplo-cego, controlados por placebo, que envolveram 435 crianças e 658 adultos com asma leve a moderada. A suplementação oral de vitamina D₃ (colecalciferol) foi administrada durante 4 a 12 meses, e a dosagem variou de 500 a 1200 UI/dia.


Em geral, a suplementação foi associada com uma redução significativa na taxa de exacerbação de asma (aqueles que necessitam de tratamento com corticosteroides sistêmicos), o que significa que o número médio de ataques anuais diminuiu de 0,44 para 0,22 por pessoa. No entanto, esta conclusão foi baseada principalmente em dados de adultos e não devem ser generalizados para populações pediátricas, segundo os autores.


Apesar de a suplementação diminuir o risco de exacerbações dos pacientes que requerem hospitalização, ela teve pouco ou nenhum efeito sobre a função pulmonar ou sobre os sintomas do dia-a-dia da asma, e não aumentou o risco de eventos adversos graves.


A vitamina D tem um efeito anti-inflamatório nos pulmões e induz mecanismos antimicrobianos inatos, o que segundo os autores pode explicar a associação.


Outro dado interessante é que em uma grande proporção dos participantes do estudo, os níveis sanguíneos de vitamina D eram deficientes ou insuficientes. Os autores afirmam que os benefícios da suplementação tendem a ser mais forte em pessoas com níveis mais baixos da vitamina.


"Os dados são muito bons para adultos, mas não há nenhuma evidência, nesta revisão, de que a vitamina D tenha esse efeito sobre as crianças”, concluem os autores.


Os pesquisadores recomendam que clínicos gerais, pediatras e pneumologistas que acompanham pessoas com asma suplementem seus pacientes com 500 a 1000 UI de vitamina D por dia. "Para os adultos que têm exacerbações persistentes, medir os níveis séricos de vitamina D também seria justificado, e se eles tiverem níveis baixos, deve-se oferecer dose maior", explicam. Com relação às crianças, os autores sugerem aguardar novos dados que comprovem o real benefício dessa suplementação.




Referência(s)

Martineau AR, Cates CJ, Urashima M, Jensen M, Griffiths AP, Nurmatov U. et al. Vitamin D for the management of asthma. Cochrane Database Syst Rev. 2016.





Fonte: Fonte: http://www.nutritotal.com.br/notas_noticias/?acao=bu&id=871
1

 

Inovando Sìtes